Mais de seis mil ficam na malha fina no Amapá



Das 71.190 declarações de Imposto de Renda de Pessoa Física, recebidas pela Receita Federal no Amapá, 6.108 caíram na chamada malha fina. O número representa 8,6% do total de declarações entregues no Estado, em 2013.

O contribuinte cai na malha fina caso ele apresente alguma informação equivocada. Caso isso ocorra, os dados devem ser corrigidos antes do início de procedimento de ofício.

Já nos casos em que a declaração foi retida na malha fina, mas o contribuinte está com tudo em dia e o documento foi preenchido corretamente, é necessário agendar atendimento, na página da Receita Federal na internet ou ligar para 146, para a entrega da documentação comprobatória das informações declaradas, ou, então, aguardar o Termo de Intimação ou a Notificação de Lançamento da Receita Federal.

"Hoje, é possível consultar, na página da Receita Federal na internet, se a declaração caiu na malha fina ou não. Para isso, basta acessar o Centro Virtual de Atendimento da Receita (e-CAC) e informar seu CPF, código de acesso e senha", destacou o auditor fiscal Gustavo Macedo.

O código de acesso é gerado no próprio site. É preciso ter em mãos o número do CPF e os recibos de entrega da declaração dos dois últimos anos. Com essas informações, é possível acessar o sistema e consultar o extrato detalhado, no qual constam as pendências existentes no documento entregue e suas possíveis causas.

As mais de 71 declarações recebidas pela Receita, é 3,17% superior ao estimado, que aguardava, 69 mil declarações no estado. Já se comparado aos 67.577 documentos recebidos no mesmo período de 2012, o crescimento é superior a 5%.

http://www.portalcotidiano.com/

0 Comentários em "Mais de seis mil ficam na malha fina no Amapá"

Postar um comentário

Comente